Todo Ninja Tem Seu Destino, Só Depende De Suas Escolhas...
 
InícioPortalMembrosFAQGaleriaGruposBuscarRegistrar-seEquipeConectar-se

Compartilhe
 

 Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Narradora
Narradores
Narradores
Narradora

PP PP : 521

Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa  Empty
MensagemAssunto: Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa    Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa  Icon_minitimeSeg Abr 21, 2014 12:06 pm

Em uma manha nublada, o time roy se encontra no campo de treinamento.

- iremos partir em missão em dois dias, quanto isso descansem e se preparem
- roy-sensei, posso tirar umas duvidas com você?
- Claro nãna-chan hoje a noite vou visitar o ban, e aproveito para tirar as suas duvidas. Então todos dispensados.

O jovem jounin ruma para a praça central, onde encontra outro estudante, um jovem notável, com seus cabelos brancos, a semelhança com seu pai, era incrível.

- Hey. Himura-san, como esta?
- Yoh roy-senpai.
- Muitas missões?
- Não nenhuma, e você?
- Partirei para uma daqui dois dias.
- Vai levar as garotas também?
- E você acha que eu perderia a chance, venha deixa eu te contar as novidades.

O jounin conta toda a historia para o jovem gennin, a quem confiaria a sua própria vida, enquanto eles conversão, ao longe se vê cinelli chegando a praça, com um ar de quem esta morrendo de fome.

- veja himura, um de meus alunos, veja como é patética a fome dele, como os akimichi conseguem comer tanto?
- Não sei, acho que eles devem ter 3 estômagos.
- Hey cinelli, já comeu?
- Ainda não roy-sensei.
- Venha aqui, esse é himura, acho que já se conhecem.
- Sim nos conhecemos no exame gennin.
- Interessante, ele é o namorado de nãna himura.
- Há então ele é o que o senhor disse que é co..... - o gennin muda de assunto para não ofender o outro.
- É o que? Pergunta cinelli.
- Companheiro de equipe – responde himura.
- Sim esse mesmo. Bom vou deixar vocês dois conversando preciso visitar uma pessoa.

O jounin mal acabara de falar quando já havia desaparecido, indo para próximo ao campo de treinamento onde se encontra rebeca.

O jounin começa a fazer selos: - Mushi Bunshin no Jutsu

O bunshin se aproxima da garota vagarosamente.

- ola rebeca.
- Oi roy-sensei.
- O que uma garota linda como você esta fazendo aqui sozinha?
- Estou observando as nuvens.
- Conheço um lugar muito melhor para observar as nuvens.
- Mesmo?
- Sim, venha comigo.

Os dois seguem para o monte hokage, onde vão para o mesmo lugar onde antes estivera com nãna.

- veja como a vista daqui é melhor.
- É mesmo, roy-sensei posso fazer uma pergunta?
- Diga.
- O que a nãna tem que eu não tenho?
- Como assim. – pergunta o jounin perplexo pela pergunta.
- Todos os homens se apaixonam por ela, veja, cinelli e até mesmo o senhor.
- Eu?
- Sim, ela me contou tudo.
- Tudo o que?
- Tudo que vocês tem feito.
- Há é mesmo?
- Sim.
- E você quer fazer o mesmo?
- O mesmo? Como assim?
- Quer que eu saia com você também?
- Não.
- Eu sei que você quer – diz o jounin se aproximando cada vez mais dela.
- Não quero.
- Então me evite – diz o jounin indo beija-la
- Sai! – grita a gennin sacando uma kunai e enfiando no rosto dele – roy-sensei, eu não queria, desculpa! – diz a garota desesperada.
- Não foi nada – diz o jounin saindo da terra atras dela.
- O que? – se surpreende a garota – são dois?
- Não o outro era apenas um bushin, estive observando você e sei que é meio temperamental, por isso me preveni, mas não posso deixar você com essas informações por isso - o jounin saca uma kunai saindo cada vez mais da terra.
- Ta, eu não conto, mas você tem de me prometer algo.
- O que?
- Que vai ficar comigo também.
- Hum, uma chantagista, típico de um Nara, mas aceito o seu acordo, hoje à noite, eu volto aqui, esteja aqui.

O jounin termina de falar e volta a entrar na terra sumindo. Voltando para a cidade encontra os dois gennins ainda de conversa.

- a himura, não sei o que fazer, ela esta distante.
- Cinelli, você tem de dar um tempo a ela, acho que ela esta meio ocupada – diz o gennin começando a rir.
- O que você quer dizer com isso?
- A pressão cinelli – diz o jounin se intrometendo na conversa.
- Pressão?
- Sim essa será a primeira missão dela, ela esta nervosa.
- Acho isso também. – diz himura concordando com o jounin.
- Mas roy-sensei, não gosto de ver essa sua aproximação com ela.
- Não é nada de mais cinelli, afinal ela é sua namorada, é apenas coisas entre sensei e aluna.
- Ta, confio em você. – diz o gennin mais aliviado.
- Bom, himura, preciso de você, você é o único que pode me ajudar agora, vamos para um lugar mais reservado.
- Claro, roy-senpai.

Os dois saem dali deixando cinelli mais aliviado, e vão para o campo de treinamento onde roy explica a situação.

- então você marcou encontro com as duas?
- Sim, como vou estar em dois lugares ao mesmo tempo, os outros não vão suspeitar, mas preciso que você de um jeito neles, eles ainda são fracos, mas preciso que você os enrole para que eu possa ter uma noite boa com as duas.
- Mas como você vai fazer?
- Uma estarei eu mesmo, e com a outra um bunshin, vou mandar o Bunshin, para a mansão yagami, e eu vou dar um trato na Nara, assim ela sai do meu pé.
- Mas e se ela não sair?
- Ai mato uma das duas.

Os dois prosseguem com a conversa por longos tempos, enquanto à tarde se vai. Ao anoitecer o jounin faz sua copia e envia para a mansão yagami, enquanto o verdadeiro ruma para o monte hokage.

- pronto rebeca aqui estou eu.
- Ótimo roy-sensei, sente-se preparei um piquenique.
- Um piquenique?
- Sim, vamos comer.
- Obrigado já comi, quero outra coisa.
- O que?
- Um beijo seu.
- Vai ficar querendo.
- Acho que é por isso que os homens não se aproximam de você.
- Você se aproximou, agora sente e coma.
- Tudo bem. – diz o jounin sentando.
- Ótimo.
- Mas antes – o jounin faz selos rapidamente - Kenboushou no Jutsu.

A garota cai em sono profundo, o jounin a pega no colo e a leva para casa, indo depois aonde esta seu bushin com nãna. Chegando lá ele encontra seu Bunshin e nana se agarrando, enquanto ela não percebe ele troca de lugar desfazendo o Bunshin.

- Bom esta tarde nãna, vou te levar de volta.
- Mas já?
- Sim, esta tarde e você precisa se preparar para a missão.
- A cada dia parece que o tempo passa mais rápido.
- É parece. Venha suba.

Ele, a leva para casa, e após deixá-la vai ao campo de treinamento onde se encontra três pessoas.

- e então roy-senpai o que fez?
- Tive de usar o Kenboushou no Jutsu nela, ela sabia demais, e não estava querendo nada serio.
- Então você realmente apagou a mente dela.
- Sim himura, não tive escolha.
- Agora tenho que recriar uma memória para ela.
- E o que vai fazer?
- Ainda não sei, e os outros dois?
- Cinelli não parou de comer, e funna ficou pela praça, até ir dormir.
- Obrigado himura, seus trabalhos serão recompensados.
- Eu cuido da mente da garota – diz um jovem - não sou conhecido em konoha, e posso fazer isso rapidamente e facilmente.
- Ok, conto com você, vamos então.

Os dois somem em instantes ficando apenas o jovem. Que começa a caminhar em direção a casa dos naras.

Continua.........

_________________________________
Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa  Naruto__kyuubi__4tails__icon_by_norineko_noriaki-d4ye1nrNarradora sugere:Respeite as Regras do fórum e conheça a nossa equipe staff.Aprenda com o nosso Guia Básico Da Academia e veja nossos tutoriais e astúcias.Veja a Lista De Ninjas para ser um Shinobi!
Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Icha icha sensei [ cap.3 ] Uma noite misteriosa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» A Noite Sem Fim - Serenata para a Eternidade (Crônica Oficial)
» [Clássica] Sombra da meia noite.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Academia Ninja Konoha :: Área Off :: Fanfics-